São Bartolomeu e Floresta Uaimii
Atrativos de Minas Gerais Dicas de Passeios Estrada Real Parques Estaduais de Minas Gerais

São Bartolomeu e Floresta Uaimii

Neste final de semana (06, 07 e 08/07), tive a oportunidade de conhecer mais um pouco do Arraial de São Bartolomeu e a Floresta Estadual do Uaimii.

São Bartolomeu tem referências documentadas e datadas do fim do século XVII. Cortada pelo Rio das Velhas, o Arraial, que fica a 97 km da capital mineira, ostenta belíssimas cachoeiras. A maior parte delas, dentro da Floresta Estadual Uaimii – que significa Alto Rio das Velhas em tupi-guarani.

A Igreja Matriz de São Bartolomeu é uma das mais antigas e imponentes igrejas de Minas Gerais. A própria arquitetura desta igreja é prova também da antiguidade do local, sendo a fachada – com suas três janelas, as torres com telhadinho e os cunhais de madeira – típica da primeira ‘fase’ construtiva que Minas conheceu.

No interessante casario preservado neste povoado observei em algumas casas, raridades do século XVIII e XIX: oratórios públicos inseridos nas construções. Há pelo menos três destes oratórios na rua principal. O casario se estende por uma comprida rua retilínea (certamente projetada), sendo dominada, de um lado, pelo largo da Matriz, com seus muros de arrimo de pedra.

A fartura de frutas no entorno induziu os seus moradores à fabricação de doces caseiros, tradição reconhecida na região.

Em agosto a imagem de São Bartolomeu é alvo de romarias vindas de várias partes do Brasil, à procura dos milagres do padroeiro. Na festa do santo apóstolo, o mundo profano se mistura com o sagrado, barracas de jogos e doces se misturam com vendedores de velas e terços. Gente de toda a parte movimenta o pequeno povoado. Esta religiosidade, sempre presente em São Bartolomeu, nos legou várias manifestações culturais.

Para comer ou lanchar: Café Uaimii, Restaurante Trilhas das Gerais e Bar do Nonô (tradicional bar, venda e buteco)

Doces tradicionais: Edu Tijolo

Mercearia (Conveniência): mercearia, boteco, padaria, farmácia – abre qualquer hora (basta chamar a dona)

Cachoeiras de São Bartolomeu:

– Cachoeira São Bartolomeu – também conhecida como Cachoeira do Córrego Acima, com queda de cerca de 45m, sem formação de poço para banho e presença de afloramentos rochosos na base. Possui uma gruta, construída pela comunidade local, com a imagem do padroeiro do distrito, São Bartolomeu (em pedra sabão) próxima à base do atrativo. Área de entorno formada por paredão rochoso e encosta coberta por Mata Atlântica margeando toda a trilha. Está a seis km do Arraial e fica dentro da Floresta Estadual Uaimii.
– Cachoeira do Macaco Doido – está cachoeira com águas cristalinas é uma das NASCENTES DO RIO DAS VELHAS e fica dentro de uma propriedade particular (Fazenda do Barão) – antes de ir, se informe se a visitação será autorizada. São 7 km de subidas e descidas íngremes, margeando o Rio das Velhas, do Arraial até a fazenda.
– Cachoeira Brás Gomes – localizada a 16 km do Arraial de São Bartolomeu ao lado da portaria Brás Gomes da Floresta Uaimii, é uma grande queda d’água. Pequenas duchas e poços são formados ao logo da queda. Indicado para quem curte fazer travessias a pé ou longos trechos de pedal – subidas e descidas íngremes ao logo do percurso.

Floresta Estadual Uaimii

– Floresta Estadual é uma Unidade de Conservação de uso sustentável sendo de posse e domínio públicos. Tem como objetivo básico o uso múltiplo sustentável dos recursos florestais e a pesquisa científica, com ênfase em métodos para exploração sustentável de florestas nativas. Situada em Ouro Preto, no distrito de São Bartolomeu, a Floresta possui fauna e flora diversificadas. A primeira Floresta Estadual de Minas Gerais possui mais de 4mil hectares e abriga um importante remanescente de Mata Atlântica.

Veja algumas fotos deste destino e os seus atrativos

Veja uma opção de passeio para a Floresta Uaimii

Caso tenha interesse em conhecer este destino, entre em contato.

Um abraço,
Helder Primo

 

Dicas

Artigos Relacionados

Sabará, Caeté e Serra da Piedade

Parque Estadual do Limoeiro e Museu do Tropeiro – Ipoema

Caminhada no Parque Estadual do Rola Moça

Passeio nas Cachoeiras do Cabral

Caminho Velho – Ouro Preto a Carrancas – Estrada Real

DEIXE UM COMENTÁRIO