Caminhada no Parque Estadual do Rola Moça
Aventura e Ecoturismo Conhecer Melhor BH Parques Estaduais de Minas Gerais Roteiros

Caminhada no Parque Estadual do Rola Moça

O Parque Estadual da Serra do Rola-Moça é dotado de uma riqueza natural exuberante. Ao passear pelo Parque, você terá a oportunidade de apreciar paisagens de beleza singular e uma rica biodiversidade constituída por uma série de espécies da fauna, como o lobo-guará, onça parda, cachorro-do-mato, veado campeiro, carcará e várias outras espécies de aves, bem como da flora, como a canela-de-ema, espécie símbolo do Parque, várias espécies de orquídeas, bromélias e cactáceas.

Roteiro:
08:00 – Encontro dos participantes em frente ao hotel, pousada, albergue, residência ou prédio público – Belo Horizonte.
– Embarque no transporte com destino ao Parque Estadual do Rola Moça, passando pelo Bairro do Barreiro.
– Chegada ao Parque, alongamento e início da caminhada (2,5 km) com destino a Cachoeira Pitangueiras.
Obs.: durante a caminhada, vamos passar por trilhas, escadas de madeira, trechos de mata fechada e estradinhas.
– Chegada a cachoeira. Banhos, fotos, relaxamento…
– Caminhada (2,5 km) de retorno a portaria.
– Embarque no transporte para retorno a região Central de BH.
– Chegada ao centro de BH.

Investimento:
1 a 2 pessoas: R$ 400,00
3 pessoas: R$ 500,00
4 pessoas: R$ 600,00
5 a 6 pessoas: R$ 700,00
Incluso: transporte em carro executivo, passeio, seguro e Guia de Turismo.

Dicas:
– Durante o passeio é aconselhável usar: roupas leves e claras (calças compridas e blusa de manga), roupas de banho, tênis ou botas, meias grossas e boné ou chapéu;
– O participante deve levar uma mochila (ou pochete) com objetos pessoais, alimentos leves suficientes para todo o passeio, um cantil ou garrafa com água, uma lanterna, uma toalha, capa de chuva, um canivete pequeno, materiais básicos de primeiros socorros (medicamentos, esparadrapo, etc.) e uma muda de roupa extra;
– A alimentação ideal para os passeios é: sanduíches naturais, frutas, chocolates, biscoitos, bebidas isotônicas, água e produtos energéticos;
– Aconselhamos levar ainda máquina fotográfica (ou celular para tirar fotos), protetor solar, repelente, cajado, óculos escuros e um agasalho para se proteger do frio.

Observações:
– Este roteiro acontece de domingo a sábado, com qualquer número de pessoas;
– Para Guia de Turismo Bilíngue (Inglês ou Espanhol), adicionar R$ 150,00;
– Passeio indicado para pessoas que gostam de praticar atividades em contato com a natureza.

Artigos Relacionados

Sabará, Caeté e Serra da Piedade

Parque Estadual do Limoeiro e Museu do Tropeiro – Ipoema

Passeio nas Cachoeiras do Cabral

Caminho Velho – Ouro Preto a Carrancas – Estrada Real

Vilas de Ouro Preto – Estrada Real