Entre Serras – Piedade e Caraça – Caeté, Barão de Cocais, Santa Bárbara e Catas Altas
Roteiros

Entre Serras – Piedade e Caraça – Caeté, Barão de Cocais, Santa Bárbara e Catas Altas

Caeté – Pequenina e repleta de relíquias preservadas do período do Ciclo do Ouro, Caeté faz parte da Estrada Real e de suas histórias. Além de igrejas e museus, guarda ainda belezas naturais como a Serra da Piedade; e tradições, resgatadas através das festas e da culinária.

Santa Bárbara – Cidade do tradicional mel Santa Bárbara, o município faz parte do Circuito do Ouro de Minas Gerais e fica a 98 km de Belo Horizonte.
Cidade natal do ex-presidente Afonso Pena, é considerado um dos municípios mais bonitos de Minas Gerais e oferece como atrações turísticas algumas belas construções setecentistas, como a Igreja Matriz de Santa Bárbara. Construída em 1724, possui o estilo barroco colonial e seu teto é pintado pelo mestre Manuel da Costa Ataíde.

Barão de Cocais – As ruínas e pinturas rupestres encontradas na cidade são de surpreender qualquer visitante. Seis mil anos antes do povoamento da região, Barão de Cocais, situada nas proximidades da Serra do Caraça, a aproximadamente 90 km da capital mineira, já era habitado por indígenas.Os vestígios estão no sítio arqueológico Pedra Pintada, que possui pinturas rupestres com desenhos semelhantes aos das grutas de Altamira, no norte da Espanha, e Lascaux, no sul da França. O sítio arqueológico está localizado no distrito de Cocais, que oferece aos visitantes boas oportunidades para a prática do ecoturismo, além de belas construções históricas dos séculos 18 e 19, apresentando aspectos de um vilarejo colonial.

Catas Altas – Autêntico por sua simplicidade, o lugarejo está situado a 130 km de Belo Horizonte. Agrega numa mesma paisagem grandes picos, alguns com mais de 2000 metros de altitude, casas coloniais preservadas, ruas de pedras, ruínas de um aqueduto, igrejas coloniais, inclusive com obras de Aleijadinho e mestre Ataíde, belas cachoeiras e um aconchegante clima ameno. O conjunto arquitetônico barroco formado pela Igreja da Matriz e por casas antigas ao redor da praça Monsenhor Mendes, entre outras construções, traz para o presente a história da pequena e bucólica cidade mineira.

Roteiro detalhado:
1º dia:
– Encontro dos participantes em frente ao hotel, pousada, albergue, prédio público ou residência ou Aeroporto – Belo Horizonte.
– Traslado até a Serra da Piedade.
– Chegada ao Santuário da Serra da Piedade. Tempo livre…
– Embarque no transporte com destino a Catas Altas, passando por Caeté e Barão de Cocais.
Obs.: durante o traslado faremos paradas para conhecer os atrativos históricos e culturais das cidades.
– Chegada a Catas Altas e acomodação na pousada (simples com banheiro no quarto, decoração rústica e ambiente agradável).
– City Tour na cidade de Catas Altas.
– Noite livre…

2º dia:
– Café da manhã.
– Passeio em Cocais, visitando a Vila, o Sítio e a Cachoeira da Pedra Pintada.
Obs. Faremos uma caminhada de 4 (ida e volta) até a cachoeira.
– Tempo livre para almoço (não incluso) na Vila de Cocais.
– Retorno ao Catas Altas, passando pelo distrito de Brumal.
– Noite livre…

3º dia:
– Café da manhã.
– Traslado até o Parque do Caraça.
– Caminhada (2 km) até a Cachoeira Cascatinha.
– Chegada à cachoeira. Banhos, relaxamento, fotos…
– Caminhada de retorno (2 km).
– Tempo livre para almoço (não incluso) e também para conhecer o Santuário.
– Embarque no transporte para retorno a Belo Horizonte.
– Chegada a BH.

(ER) Roteiro da Estrada Real

Investimento (sendo 1 a 3 pessoas): R$ 1.500,00
Investimento (sendo 4 a 6 pessoas):
R$ 2.000,00
Incluso: transporte em carro executivo, passeios, seguro e Guia de Turismo.
Não inclui: taxas, alimentação e hospedagem.

Dicas:
– Durante os passeios é aconselhável usar: roupas leves e claras, roupas de banho, tênis ou botas, meias grossas e boné ou chapéu;
– Os participantes devem levar uma mochila com objetos pessoais, documentos, alimentos leves suficientes para todo o passeio, um cantil ou vasilha com água, uma lanterna, uma toalha, capa de chuva, um canivete pequeno, medicamentos de uso pessoal e uma muda de roupa extra;
– A alimentação ideal para os passeios é: sanduíches naturais, frutas, chocolates, biscoitos, bebidas isotônicas, água e produtos energéticos;
– Aconselhamos levar ainda máquina fotográfica, protetor solar, óculos escuros e um bom agasalho para os dias mais frios.

Observações:
– Este roteiro acontece de segunda a domingo (Atenção: roteiro não operado nos feriados);
– Para Guia de Turismo Bilíngue (Inglês ou Espanhol), acrescentar R$ 450,00 no valor total da compra;
– Caso queira fazer um passeio de Trem no primeiro dia, acrescentar R$ 100,00 no valor do pacote;
– Passeio indicado para pessoas que gostam de praticar atividades em contato com a natureza.

Artigos Relacionados

Passeio nas Cachoeiras do Cabral

Vilas de Ouro Preto – Estrada Real

Passeio em Santa Bárbara e Catas Altas – Circuito Entre Serras

Revivendo o “Clube da Esquina”

Cidades Históricas de Minas – Tour Pedagógico